16 jul 2015

LinkedIn: saiba como utilizar a favor de sua empresa

Mídias Sociais








guiase-Negócios-pelo-LinkedIn

Perfil pessoal responsivo e Página de Empresa atualizada no LinkedIn podem conquistar novos clientes e parceiros

O LinkedIn foi, por anos, conhecido apenas como uma plataforma para postar currículos e procurar emprego on-line. Mas, muita coisa mudou e a rede se tornou um espaço interessante no âmbito dos empreendedores. Atualmente, são mais de 15 milhões de usuários só no Brasil. É por isso que o LinkedIn se tornou a maior rede social no mundo dos negócios. Nela é possível fazer networking, gerar leads, prospectar clientes e fazer muitos contatos importantes para a ascensão de uma empresa.

Antes de desenvolver uma página para divulgar os negócios dentro do LinkedIn, é interessante que o cliente tenha um perfil responsivo e fique um passo à frente dos perfis incompletos e caóticos. É preciso dar atenção às competências e recomendações. Elas são essenciais para demonstrar credibilidade. É interessante pedir aos seus funcionários e colegas que enviem algumas recomendação para dar um up no perfil. O empreendedor pode fazer o mesmo com seus clientes ou potenciais clientes, para demonstrar a confiança que tem no trabalho desenvolvido por eles.

Não esqueça de incluir nas informações adicionais meios para que outras pessoas entrem em contato, como e-mail e Skype. Já no resumo ou experiência, é importante ser breve e objetivo. Faça um esboço do trabalho atual, qualidades e tarefas dentro da empresa. É importante ter cuidado neste campo, além de funcionar como currículo, o perfil no LinkedIn também pode ser usado para avaliação de futuros clientes e parceiros.

Depois de criar o perfil é a hora de criar uma página para a empresa. Atenção: assim como no Facebook, não se deve criar um perfil pessoal para a empresa, pois isso atrapalha o processo de geração de oportunidades que a plataforma oferece. O correto é criar um “Página de Empresa”. Para isso, basta encontrar a opção “Interesses/Empresas” no menu, e clicar em “Adicionar uma Empresa”.

A imagem de capa deve estar alinhada com a identidade visual do  negócio. Ela é a primeira coisa que os visitantes veem quando acessam a página.  Também é possível criar abas adicionais na página da empresa para os produtos/serviços. As recomendações dos clientes podem aumentar a credibilidade. Peça que eles os recomendem sempre que possível. Com página pronta, é essencial gerar conteúdo de qualidade e a manter atualizada. O LinkedIn e o Marketing de Conteúdo caminham juntos, por isso, é interessante usar ao máximo a capacidade multimídia que a rede social oferece e aproveitar para compartilhar seus conteúdos como Vídeos, PDFs, eBooks, Whitepapers, Webinars. A palavra chave é: ser participativo!

Se a empresa já conta com colaboradores, eles também podem compartilhar os conteúdos postados na página. A cada profissional que compartilha uma publicação, o  alcance se torna maior. É assim que a rede funciona, por isso, é importante atrair seguidores para sua página, além de incluir plugins sociais do LinkedIn no site, blog, postagem e e-mail marketing. Também é interessante convidar contatos do perfil pessoal no Twitter e Facebook para seguir a Página de Empresa. E, por fim, não esqueça de usar o perfil pessoal no LinkedIn para mandar  mensagens aos seus clientes e clientes em potencial para convidar a acessar e curtir a página. O LinkedIn permite até 50 destinatários por mensagem. Precisa de ajuda? Conte com a Guia-se Negócios pela Internet!

 






Escrito por: Equipe Guia-se









Deixe um comentário










Serviços

Confira os serviços que a Guia-se oferece




Criação de sites

saiba mais

Loja Virtual

saiba mais

Mídias  Sociais

saiba mais

Inbound Marketing

saiba mais

E-mail Marketing

saiba mais





Saiba mais sobre as nossas franquias de marketing digital
Fale com um de nossos consultores