05 maio 2017

Consultoria digital – Conheça 6 cases de sucesso

Planejamento Estratégico




Consultoria digital – Conheça 6 cases de sucesso
5 (100%) 1 vote




Entenda como funciona uma consultoria digital e saiba quando contratar um profissional para aconselhar sua empresa


Muitas empresas sentem dificuldade ao iniciar ações de marketing digital. Não são raras as marcas que, por não saberem como começar, acabam adiando a comunicação digital. Outras optam por deixar toda a responsabilidade nas mãos de uma pessoa pouco capacitada para o trabalho. As dúvidas mais comuns são: como criar uma página ou perfil nas mídias sociais?; onde conseguir uma lista de e-mail para uma campanha de e-mail marketing?; quando investir em links patrocinados?; entre tantas outras mais ou menos complexas.

Essas questões parecem simples para marcas que já atuam no digital ou para uma empresa digital, mas para negócios que não possuem um histórico no meio virtual podem ser fatores decisivos para conseguir obter os melhores resultados. Uma opção viável e que vem fazendo muito sucesso entre as empresas que entendem a importância do marketing digital é a consultoria digital. O objetivo do consultor de marketing digital é auxiliar as empresas na utilização das ferramentas online de forma que elas possam atender a uma nova demanda. Ou seja, consumidores que usam a internet para pesquisar, se influenciar e comprar.


O que a consultoria digital faz pela empresa?


Se você ainda não entendeu o que é consultoria digital, precisa saber qual a função do consultor de marketing digital. Este profissional avaliará a empresa e estruturará um plano de marketing digital. Ele precisa pensar de forma estratégica, estipular diretrizes para as ações de marketing digital de forma que elas atinjam o objetivo definido em cada etapa do planejamento. Alguns dos pontos definidos no plano de marketing digital:

– Objetivo da marca no ambiente online e ações imediatas.
– Identificação dos concorrentes que já atuam no ambiente digital.
– Escolha dos canais de comunicação.
– Definição de metas e indicadores de resultado (KPIs).

A ideia é que a consultoria digital dê suporte às organizações para que elas escolham as melhores opções de marketing online.


Ações da consultoria digital:


Diagnóstico da empresa


O consultor analisará todos os processos de marketing e vendas da marca. A ideia aqui é reconhecer as forças e fraquezas da empresa, e identificar as oportunidades e ameaças dessa inserção no ambiente digital. Nessa fase, algumas pequenas mudanças podem surtir efeito imediato. Por exemplo, inserir botões sociais no site. Outro passo importante é planejar o monitoramento da marca na esfera virtual, com a instalação do Google Analytics, por exemplo.


Definir o objetivo


Neste ponto, o profissional precisa levar em consideração qual a realidade da empresa, e quais as metas e objetivos que a marca tem ao entrar para o mundo digital. Se a empresa quer vender pela internet, por exemplo, é preciso definir o ticket médio esperado nas vendas e qual o público-alvo (onde eles estão, como e quando compram…). O consultor deve dar ao gestor um panorama dos gastos que a marca terá com as ações para atingir o objetivo definido. Por exemplo: para a empresa começar a vender pela internet, quantas abordagens comerciais serão necessárias? Quantos leads qualificados a equipe de marketing precisa gerar para que a equipe de vendas alcance a meta de vendas? Quantos visitas o site precisa receber para chegar aos leads qualificados?

Com esses dados, o consultor traçará ações para atrair visitantes para o site e para captar leads, o que, consequentemente, vai gerar oportunidades de venda. A meta do planejamento de marketing virtual é ajudar a empresa a alcançar o objetivo traçado, por isso, o foco é sempre no objetivo. A empresa precisa enxergar todo o processo para chegar ao resultado e o consultor irá clarear esse processo.


Orientar a equipe


Depois de analisar a empresa e definir o objetivo, a missão do consultor é orientar a equipe. A consultoria digital precisa de um plano de ação detalhado para dar certo. O profissional deve dizer o que deve ser feito e como deve ser feito. Por exemplo: se o site tem um número relativamente grande de visitantes e baixa conversão, talvez o problema seja a qualificação dos leads. O consultor pode orientar a criação de uma Landing Page para capturar usuários realmente interessados nos produtos ou serviços da marca.

O consultor também poderá, nesse ponto, sugerir uma metodologia de implementação das ações previstas no plano, até sugerir ferramentas e parceiros. A consultoria é educativa, por isso, é importante que os colaboradores participem dessa orientação. A ideia é que o profissional consiga brevemente explicar os conceitos e as técnicas de marketing digital para a equipe, pois assim elas estarão mais suscetíveis às propostas do plano de ação.


Quando as empresas contratam uma consultoria digital?


A maioria das empresas buscam a ajuda profissional de um consultor de marketing digital quando começam a procurar uma agência de marketing ou fornecedores individuais de serviços online. As marcas acabam sem saber o que precisam contratar, quanto devem pagar, como supervisionar o trabalho feito e até onde encontrar opções de qualidade para esse tipo de prestação de serviço.

O momento ideal para contratar uma consultoria digital é quando a empresa já possui uma estrutura mínima para executar um projeto de marketing digital e está disposta a executar o planejamento. Caso contrário, será perda de tempo e dinheiro. Para isso, é preciso que um colaborador ou o próprio empresário, no caso de pequenos negócios, tenham algum conhecimento sobre a área, e que um orçamento mínimo seja reservado para investir nas ações de marketing digital.


Consultoria digital não é:


Algumas marcas esperam que os consultores de marketing digital executem o planejamento estratégico. O profissional de consultoria, como a própria palavra diz, dará uma consulta, um conselho, um parecer técnico sobre algo. A criação do site, das mídias sociais, do conteúdo, entre outras ações, como o monitoramento, é responsabilidade da empresa. As agências de marketing digital sim, prestam esse tipo serviço, o consultor não. Alguns profissionais, oferecem o serviço à parte, mas a função real do consultor é aconselhar a empresa, orientar as atividades, dar assessoria digital.

Outro equívoco é acreditar que o consultor ou a consultora de marketing digital estará disponível full time para a empresa. O profissional normalmente negocia um pacote de horas. Por isso, desde o início, a marca precisa negociar qual será a metodologia empregada, se haverá um momento reservado para dúvidas e questionamentos, como será a exposição das estratégias e se haverá consultoria online, como reunião pelo Skype, telefone e e-mail.


Como se tornar um consultor de marketing digital


O analista de marketing digital não se torna um profissional de um dia para o outro. É exatamente por ter muita experiência na área que ele é capaz de dar conselhos valiosos para as empresas que querem apostar no universo digital. Além de possuir habilidades e conhecimento em diversas áreas do marketing digital, este profissional precisa saber transferir aquilo que sabe da melhor forma aos colaboradores, gestores, gerentes e empresários. O consultor não vende um plano de marketing, nem uma estratégia matadora, ele vende sua experiência e expertise.

O bom profissional de marketing digital, principalmente o consultor, busca aprofundar cada vez mais seus conhecimentos. Os estudos são em marketing de busca, mídias sociais, e-mail marketing e outras áreas com SEO, Inbound Marketing e Marketing de Conteúdo. Quanto mais ampla for a visão deste profissional, mais técnicas e ferramentas ele terá disponíveis para indicar as marcas.


Cases de sucesso


Um bom profissional de consultoria digital pode fazer toda a diferença quando o assunto é o sucesso de uma empresa na internet. Por isso, reunimos seis cases de empresas e marcas que tiveram ótimos resultados através de ações de marketing digital, tanto em mídia digital quanto em outros canais de comunicação:


Prefeitura de Curitiba


Guia-se Agência de Marketing Digital - Consultoria Digital Curitiba

Falar de sucesso nas mídias sociais sem falar da Prefeitura de Curitiba é quase impossível. Inovadora, a administração pública apostou em uma página na Facebook bem diferente das páginas de prefeituras já existentes. A ideia foi aproximar a população e transformar a prefeitura em uma “amiga”. A aposta dos consultores foi em memes e publicações virais. Em uma delas, a prefeitura até pediu outra prefeitura em namoro e assumiu um relacionamento sério. Durante o período de eleições, a página ficou desativada, mas voltou às atividades.


Dove


A marca de produtos de higiene e beleza apostou em conteúdo em um formato adorado pelo público e não podia conseguir um resultado melhor. A rede global conseguiu viralizar um vídeo emocionante sobre auto imagem e beleza natural. A produção rodou as mídias sociais, ganhou prêmios e foi destaque em outras mídias. Ao contrário do marketing tradicional, o vídeo não falou sobre nenhum produto da marca, nem mesmo sobre a marca em si. Isso fez toda a diferença.


Magazine Luiza


A loja é uma das pioneiras no Brasil quando se trata de lojas virtuais. Atualmente, a rede é um dos dez maiores e-commerce do país e se tornou exemplo para outras lojas que resolverem apostar em vendas online. Hoje, a rede também faz muito sucesso nas mídias sociais. Além de contar com postagens bem informais, com gírias, palavras em caixa alta e emojis, a página no Facebook ainda possui uma personagem, a Lu. A aproximação do público é uma oportunidade muito interessante, ainda mais se ela for estabelecida através de uma estratégia bem planejada. Por isso, a presença de um consultor digital é importante.


Natura


Que tal se unir a uma parceira forte e ainda mesclar marketing online e offline?

Foi o que a marca fez. Em parceira com a Ingresso.com, a rede promoveu uma campanha em que homens compravam ingressos para o cinema no site. Em seguida, gravaram um vídeo através de suas webcams para suas namoradas e mulheres, elogiando o cabelo delas. Os vídeos foram exibidos antes das sessões de cinema para as quais os ingressos foram comprados, ou seja, as mulheres foram pegas de surpresa. A ação foi um sucesso!


Samsung


Você consegue ficar 60 minutos olhando fixamente para uma única direção?

Essa foi a proposta da Samsung em uma das suas campanhas de marketing de conteúdo. O vídeo participou da divulgação do aparelho Galaxy S4, que possuía a nova função de detectar a direção do olhar dos usuários. Um totem instalado em uma estação desafiava as pessoas a olharem fixamente para o painel por 60 minutos, sem desviar por um instante sequer. Quem conseguisse, ganhava um aparelho. O vídeo fez muito sucesso nas redes e se tornou referência em marketing de conteúdo.


Elo7


Criada em 2008, o marketplace de produtos autorais e criativos atua no Brasil e na Argentina. Um marketplace é uma modalidade de loja online em que várias pessoas ou empresas podem expor seus produtos. Uma espécie de shopping virtual. A aposta do Elo7 foram as imagens atrativas. Com mais de 2 milhões de produtos, a rede começou a testar formatos de anúncios até perceber que no Facebook o formato Carrossel funcionava muito bem e dava mais retorno que os demais. Somente um bom profissional de marketing digital consegue identificar oportunidades como essa, por isso, o consultor digital é tão importante.


Cases negativos


Nem as grandes marcas conseguem escapar de uma ação de marketing digital frustrada. Mesmo com equipes repletas de especialistas, deslizes acontecem e as marca precisam de jogo de cintura para escapar deles.


Halls


Foi o caso da Halls. A marca apostou em uma linguagem despojada nas ações de marketing, o que quase sempre deu certo, afinal, as personas da empresa são jovens e gostam, deste tipo de apelo. Porém, a marca acabou pegando pesado ao usar a frase “Pegaria muito a namorada do meu amigo”. A repercussão negativa foi quase que imediata.


Luciano Huck e Tim


Outro caso que acabou comprometendo uma ação de marketing foi um print postados nas redes sociais pelo apresentador Luciano Huck. O garoto propaganda da Tim, na época, deixou escapar uma imagem que comprometeu todo o trabalho. No print compartilhado com os seguidores, Huck mostrava que usava outra operadora de celular, a Vivo. O deslize pegou mal!


Pom Pom


Um concurso cultural que parecia um sucesso nas mídias sociais acabou gerando um resultado negativo para a marca. O concurso “Mostre ao mundo o amor pelo seu bebê” parecia bacana e tinha tudo para dar certo. Ele funcionava da seguinte forma, a mãe ou responsável enviava a foto do bebê e as mais curtidas ganhariam 6 meses de fraldas Pom Pom. O que a empresa não contava era que a foto de dois animais, um cachorrinho e um gatinho, com necessidades especiais, que usavam fraldas diariamente, fosse “bombar” e liderar as curtidas. A marca desclassificou os dois, o que gerou revolta no público. Uma página com o nome NÃO Compre Pom Pom foi criada e passaram a usar a hashtag #naocomprepompom no Twitter. A marca tentou amenizar o eco negativo da ação e prometeu doar 1 mil fraldas aos animais, mas indignação do público continuou.


Conclusão


Se você chegou até aqui, percebeu que agências competentes e profissionais dedicados podem ajudar as empresas a terem muito sucesso no ambiente digital. Mas isso não impede a marca de deslizar e errar feio na internet. Por isso, é cada vez mais necessário contratar um especialista para orientar as empresas quando o assunto é marketing digital.

Como falamos no início do texto, muitas marcas, principalmente os pequenos negócios, acabam deixando as ações de marketing digital nas mãos de uma pessoa pouco capacitada para o trabalho, muitas vezes estagiários. E o que elas perdem com isso? Primeiro, oportunidades. As marcas acabam deixando de lado, com essa atitude, a chance de ter muito sucesso com uma campanha de e-mail marketing ou até uma ação nas mídias sociais que poderia viralizar e atingir muitos usuários.

Outro ponto que precisa ser discutido, são os riscos que a empresa corre ao deixar o marketing digital nas mãos de pessoas sem experiência. Hoje, no mundo globalizado, uma informação leva poucos segundos para rodar o mundo. Ou seja, todo a credibilidade de uma empresa que levou anos para ser construída pode acabar em segundos, por conta de uma ação mal planejada.


Não esqueça


Por isso, a consultoria digital se tornou uma opção viável, principalmente para as marcas que não podem arcar com grandes equipes de marketing digital. Com a ajuda do consultor, as marcas passam a entender melhor como as ações funcionam na internet e tem a chance de atender uma nova demanda sem correr tantos riscos.

Mas vale lembrar que a função do consultor de marketing digital é:

– Avaliar a empresa e estruturar um bom plano de marketing digital.
– Pensar e agir de forma estratégica.
– Estipular diretrizes para as ações de marketing digital, assim como um objetivo.

A assessoria de marketing dará suporte às organizações, mas as escolhas continuam sendo das empresas. Um bom consultor de marketing digital possui uma lista de contatos considerável. Ele precisa ter em mente bons profissionais para indicar às empresas ao sugerir ações, ferramentas e estratégias.






Escrito por: Equipe Guia-se







Consultoria digital – Conheça 6 cases de sucesso
5 (100%) 1 vote


Deixe um comentário










Serviços

Confira os serviços que a Guia-se oferece




Criação de sites

saiba mais

Loja Virtual

saiba mais

Mídias  Sociais

saiba mais

Inbound Marketing

saiba mais

E-mail Marketing

saiba mais





Saiba mais sobre as nossas franquias de marketing digital

0800 Guia-se

Ligue gratuitamente e fale com um de nossos consultores

Ligue agora!

Fale conosco

Ou se preferir, preencha nosso formulário!

Enviar Mensagem


Fale com um de nossos consultores
X

Calma! Não vá embora ainda!

Nos ajude a entender melhor o que precisa.







Encontrou o que queria?


Foi fácil navegar?


Dê uma nota em nosso site



Please leave this field empty.